Acredito que a Tailândia seja um sonho pra muita gente. E, pra mim, não foi diferente. Quem nunca ficou se imaginando colocando os pés naquele lugar? Visitando aqueles templos lindíssimos, andando de elefante, mergulhando naquele mar de cor verde cristalina? A Tailândia é, realmente, um sonho. E, apesar de todas as melhores e maiores expectativas, ela não nos decepciona. É tudo aquilo que imaginamos, mesmo.

Mas vamos começar do começo? 😀 Chegamos na Tailândia via Hong Kong – Bangkok. Mas lá não ficamos, ainda. De Bangkok pegamos um vôo curto pra Krabi, uma província da Tailândia, onde ficam localizadas lindas praias e o melhor hotel da vida, o Rayavadee (falarei já sobre ele). Já no aeroporto, fomos recepcionados por uma pessoa (muito simpática, por sinal) do hotel. De lá, seguimos em uma viagem de 25 minutos em uma topic particular, com água e toalhinhas geladas pra refrescar e segurar um pouco o calor, em direcao ao píer, onde pegaríamos um barco – também do hotel – em direção à Nammao Beach, uma das praias onde fica localizado o hotel e onde os barcos atracam na chegada, em mais uma viagem de 20 minutinhos. A viagem de barco é liiinda e  super tranquila (eu e o Alcimor já passamos um perrengue nas Maldivas – informação para um post futuro, rs).

alcibarco
No píer de Krabi
pordosol
No barco a caminho do Rayavadee

 

Fomos recepcionados maravilhosamente bem pela equipe do hotel, o que já seria um prenúncio da nossa estadia nos próximos três dias por ali. Nos primeiros contatos, ali mesmo na recepção, fomos informados que cada chalé tinha uma espécie de “mordomo” 24h por dia. A nossa era uma simpática (até demais) tailandesa, chamada Joy. Tudo que precisássemos, a partir dali, era só contactá-la através do celular que também recebíamos no início da estadia.

O Rayavadee é uma coisa de tão maravilhoso! Já tive a oportunidade de me hospedar em muitos hotéis bons nesse mundão, mas aquele ali é realmente especial. Os quartos são apartamentos de dois andares perdidos no meio daquela floresta e pedras maravilhosas. No começo, você não consegue se localizar muito bem e vai se perder várias vezes (mas não se preocupe – eles entregam mapas do hotel), como a gente, mas nada que alguns dias hospedados ali não resolvam. O hotel possui três praias e as minhas preferidas são a Railay Beach e a Phra Nang Beach. Íamos cedo pra Phra Nang tomar um bom banho de mar e depois seguíamos pra Railay Beach pra curtir o bar e a piscina do hotel. Atenção para algo que não li em nenhum blog e no começo me assustou, principalmente por eu já ter sido queimada por uma água-viva em Miami: a todo instante você é levemente picado nas águas da Tailândia. Não chega a ser uma dor, mas no começo incomoda… depois? acostuma, rs.

DSC_0165
Banho de mar em Phra Nang Beach

DSC_0124

DSC_0161

DSC_0171
Área de espreguiçadeiras do hotel em Phra Nang Beach
Espreguiçadeiras
Espreguiçadeiras

 

Railay Beach é a praia da piscina do hotel. E que piscina, viu?? Incríveeeel! Por ali também tem uma ruazinha com algumas opções de lojinhas e barzinhos. A praia é linda e como é grande, é bem tranquila.

Railay Beach
Railay Beach
DSC_0237
Railay Beach
 "A" piscina
“A” piscina
euerola
Curtindo a piscina

 

No próximo post vou falar sobre um super passeio que fizemos à Hong Island, pertinho de Railay Beach. 🙂

 

One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *